quinta-feira, 31 de março de 2011

Cobranças....cobranças....cobranças...como lidar com pessoas explosivas e que cobram muito dos outros?


Como lidar com pessoas explosivas e que cobram muito dos outros ?

Como você lida com suas próprias cobranças, cobranças que faz a si mesmo? Como você lida consigo mesmo naqueles momentos em que você explode? A forma como você lida e encara a si mesmo nesses momentos é a forma como você lidará com as pessoas a sua volta quando elas tiverem em momentos semelhantes.

Por exemplo, se você é paciente com suas cobranças pessoais, se você é carinhoso consigo mesmo na forma de pensar sobre sua vida, seus problemas e desafios, você também será paciente e carinhoso com as pessoas a sua volta quando elas estiverem se cobrando demais ou passando por problemas e desafios. Se você se ama e se aceita durante momentos de emoções mais intensas, você amará e aceitará os momentos mais intensos dos outros a sua volta. Um exemplo, se você é uma pessoa que quando sente que vai explodir decide se afastar um pouco, reduzir o ritmo até se acalmar, quando estiver ao lado de uma pessoa que vai explodir, você fará o mesmo, se afastará dela até que ela se acalme.

Essa é a atitude que os educadores recomendam para pais que querem ser equilibrados, que se afastem e deem espaço para seus filhos no momento de birra até eles se acalmarem. Mais uma vez isso mostra a importância do auto conhecimento e de focar suas energias em conseguir se amar mais e saber tratar melhor consigo mesmo, pois isso fará de você uma pessoa mais apta para conviver em paz com qualquer tipo de pessoa inclusive as cobradoras e explosivas.

Imagem do dia: Nuvens



MODELOS NO CÉU A partir da esquerda, um stratocumulus sobre o sudeste da Ásia, uma nuvem stratus baixas na Islândia, uma nuvem de rolo, chamada Morning Glory, sobre o norte de Queensland, na Austrália; lenticular altocumulus ao longo da fronteira de Nevada, Califórnia.

terça-feira, 29 de março de 2011

O AMOR IMPOSSÍVEL É O VERDADEIRO AMOR


O amor impossível é o verdadeiro amor
Arnaldo Jabor, cineasta e jornalista: Outro dia escrevi um artigo sobre o amor. Depois, escrevi outro sobre sexo.

Os dois artigos mexeram com a cabeça de pessoas que encontro na rua e que me agarram, dizendo: "Mas... afinal, o que é o amor?" E esperam, de olho muito aberto, uma resposta "profunda". Sei apenas que há um amor mais comum, do dia-a-dia, que é nosso velho conhecido, um amor datado, um amor que muda com as décadas, o amor prático que rege o "eu te amo" ou "não te amo". Eu, branco, classe média, brasileiro, já vi esse amor mudar muito. Quando eu era jovem, nos anos 60/70, o amor era um desejo romântico, um sonho político, contra o sistema, amor da liberdade, a busca de um "desregramento dos sentidos". Depois, nos anos 80/90 foi ficando um amor de consumo, um amor de mercado, uma progressiva apropriação indébita do "outro". O ritmo do tempo acelerou o amor, o dinheiro contabilizou o amor, matando seu mistério impalpável. Hoje, temos controle, sabemos por que "amamos", temos medo de nos perder no amor e fracassar na produção. A cultura americana está criando um "desencantamento" insuportável na vida social. O amor é a recusa desse desencanto. O amor quer o encantamento que os bichos têm, naturalmente.
Por isso, permitam-me hoje ser um falso "profundo" (tratar só de política me mata...) e falar de outro amor, mais metafísico, mais seminal, que transcende as décadas, as modas. Esse amor é como uma demanda da natureza ou, melhor, do nosso exílio da natureza. É um amor quase como um órgão físico que foi perdido. Como escreveu o Ferreira Gullar outro dia, num genial poema publicado sobre a cor azul, que explica indiretamente o que tento falar: o amor é algo "feito um lampejo que surgiu no mundo/ essa cor/ essa mancha/ que a mim chegou/ de detrás de dezenas de milhares de manhãs/ e noites estreladas/ como um puído aceno humano/ mancha azul que carrego comigo como carrego meus cabelos ou uma lesão oculta onde ninguém sabe".

Pois, senhores, esse amor existe dentro de nós como uma fome quase que "celular". Não nasce nem morre das "condições históricas"; é um amor que está entranhado no DNA, no fundo da matéria. É uma pulsão inevitável, quase uma "lesão oculta" dos seres expulsos da natureza. Nós somos o único bicho "de fora", estrangeiro. Os bichos têm esse amor, mas nem sabem.

(Estou sendo "filosófico", mas... tudo bem... não perguntaram?) Esse amor bate em nós como os frêmitos primordiais das células do corpo e como as fusões nucleares das galáxias; esse amor cria em nós a sensação do Ser, que só é perceptível nos breves instantes em que entramos em compasso com o universo. Nosso amor é uma reprodução ampliada da cópula entre o espermatozóide e óvulo se interpenetrando. Por obra do amor, saímos do ventre e queremos voltar, queremos uma "reintegração de posse" de nossa origem celular, indo até a dança primitiva das moléculas. Somos grandes células que querem se re-unir, separados pelo sexo, que as dividiu. ("Sexo" vem de "secare" em latim: separar, cortar.) O amor cria momentos em que temos a sensação de que a "máquina do mundo" ou a máquina da vida se explica, em que tudo parece parar num arrepio, como uma lembrança remota. Como disse Artaud, o louco, sobre a arte (ou o amor) : "A arte não é a imitação da vida. A vida é que é a imitação de algo transcendental com que a arte nos põe em contato." E a arte não é a linguagem do amor? E não falo aqui dos grandes momentos de paixão, dos grandes orgasmos, dos grande beijos - eles podem ser enganosos. Falo de brevíssimos instantes de felicidade sem motivo, de um mistério que subitamente parece revelado. Há, nesse amor, uma clara geometria entre o sentimento e a paisagem, como na poesia de Francis Ponge, quando o cabelo da amada se liga aos pinheiros da floresta ou quando o seu brilho ruivo se une com o sol entre os ramos das árvores ou entre as tranças da mulher amada e tudo parece decifrado. Mas, não se decifra nunca, como a poesia. Como disse alguém: a poesia é um desejo de retorno a uma língua primitiva. O amor também. Melhor dizendo: o amor é essa tentativa de atingir o impossível, se bem que o "impossível" é indesejado hoje em dia; só queremos o controlado, o lógico. O amor anda transgênico, geneticamente modificado, fast love.

Escrevi outro dia que "o amor vive da incompletude e esse vazio justifica a poesia da entrega. Ser impossível é sua grande beleza. Claro que o amor é também feito de egoísmos, de narcisismos mas, ainda assim, ele busca uma grandeza - mesmo no crime de amor há um terrível sonho de plenitude. Amar exige coragem e hoje somos todos covardes".

Mas, o fundo e inexplicável amor acontece quando você "cessa", por brevíssimos instantes. A possessividade cessa e, por segundos, ela fica compassiva. Deixamos o amado ser o que é e o outro é contemplado em sua total solidão. Vemos um gesto frágil, um cabelo molhado, um rosto dormindo, e isso desperta em nós uma espécie de "compaixão" pelo nosso desamparo.

Esperamos do amor essa sensação de eternidade. Queremos nos enganar e achar que haverá juventude para sempre, queremos que haja sentido para a vida, que o mistério da "falha" humana se revele, queremos esquecer, melhor, queremos "não-saber" que vamos morrer, como só os animais não sabem. O amor é uma ilusão sem a qual não podemos viver. Como os relâmpagos, o amor nos liga entre a Terra e o céu. Mas, como souberam os grandes poetas como Cabral e Donne, a plenitude do amor não nos faz virar "anjos", não. O amor não é da ordem do céu, do espírito. O amor é uma demanda da terra, é o profundo desejo de vivermos sem linguagem, sem fala, como os animais em sua paz absoluta. Queremos atingir esse "absoluto", que está na calma felicidade dos animais.

domingo, 27 de março de 2011

Livro: A VIDA IMORTAL DE HENRIETTA LACKS - Uma comovente, intrigante e injustiçada história




É possível as células de um mesmo ser humano resistirem por mais de 60 anos e ser responsáveis pelo desenvolvimento do tratamento de doenças das mais variadas espécies, como câncer e mal de Parkinson, de vacinas contra a poliomelite e o vírus HPV ou de técnicas de fertilização e clonagem? Em uma das história mais emocionantes - e intrigantes - da medicina, o livro A Vida Imortal de Henrietta Lacks (Companhia das Letras), disponível nas livrarias a partir deste mês de março, relata a trajetória de uma descendente de escravos nascida em 1920, nos Estados Unidos, e que, aos 30 anos foi diagnosticada com câncer.
-------------------------------------------------------------------------------------
Uma sinopse do livro:

Henrietta Lacks era descendente de escravos e nasceu em 1920, numa fazenda de tabaco no interior da Virgínia. Aos trinta anos, casada e mãe de cinco filhos, Henrietta descobriu que tinha câncer. Em poucos meses, um tumor no colo do útero se espalhou por seu corpo. Ela se tratou no Hospital Johns Hopkins, e veio a falecer em 1951. No hospital, uma amostra do colo do útero de Henrietta havia sido extraída sem o seu conhecimento, e fornecida à equipe de George Gey. Gey demonstrou que as células cancerígenas desse tecido possuíam uma característica até então inédita - mesmo fora do corpo de Henrietta, multiplicavam-se num curto intervalo, tornando-se virtualmente imortais num meio de cultura adequado. Por causa disso, as células 'HeLa', logo começaram a ser utilizadas nas pesquisas em universidades e centros de tecnologia. Como resultado, a vacina contra a poliomielite e contra o vírus HPV, vários medicamentos para o tratamento de câncer, de AIDS e do mal de Parkinson, por exemplo, foram obtidos com a linhagem 'HeLa'. Apesar disso, os responsáveis jamais deram informações adequadas à família da doadora e tampouco ofereceram qualquer compensação moral ou financeira pela massiva utilização das células. 'A vida imortal de Henrietta Lacks' reconstitui a vida e a morte desta injustiçada personagem da história da medicina. O livro demonstra como o progresso científico do século XX deveu-se em grande medida a essa mulher negra, pobre e quase sem instrução. -------------------------------------------------------------------------------------
Morta em 1951, Henrietta Lacks ainda sobrevive emlaboratórios de todo o mundo através do cultivo de suas células, batizadas de HeLa (as iniciais da doadora). Com uma característica até então inédita de se multiplicar mesmo fora do corpo, essas células têm proporcionado os maiores avanços na medicina desde a segunda metade do século XX e resultaram no surgimento de uma bilionária indústria de medicamentos e de pesquisas. Apesar dos mistérios que envolvem a imortalidade das HeLas, sabe-se que elas cresceram em uma quantidade surpreendente, equivalente a mais de 50 milhões de toneladas.
Mas apenas 20 anos após a sua morte, a família de Henrietta foi informada da existência das HeLas, quando cientistas passaram a avaliar a genética dos parentes. Enquanto as empresas lucravam, familiares não tinham informações dos trabalhos científicos realizados com o material retirado sem o consentimento de Henrietta. Paradoxalmente, tanbém não tinham sequer condições de ter um plano de saúde.
Nesta comovente história, a jornalista americana Rebeca Skloot levou mais de dez anos para descrever o drama vivido pelos descendentes de Henrietta.
A obra tornou-se o best seller nos Estados Unidos e o e-book mais vendido no mundo. Em breve, ganhará adaptação para o cinema, com produção da apresentadora Oprah Winfrey e do diretr Alan Ball.

sábado, 26 de março de 2011

Nosso Planeta: HORA DO PLANETA 2011


Assistam o video no youtube.com.........http://www.youtube.com/watch?v=4Mxjbip6y04&feature=player_embedded

A Hora do Planeta é uma iniciativa da rede WWF que incentiva cidadãos, empresas e governos a apagarem as luzes por uma hora mostrando assim o seu apoio à luta contra as alterações climáticas.

Porquê apagar as luzes?
Antes de mais há que ter consciência que este apagar de luzes por uma hora é meramente um gesto simbólico, mas que pode ser representativo de um elevar da consciência de todos para um problema que é, igualmente, de todos: as alterações climáticas.

A verdade é que este simples gesto, tem despertado em todo o mundo compromissos capazes de ir marcando a diferença numa base diária contínua e tem levado a uma verdadeira mudança de hábitos de vida de cidadãos, empresas e governos que começam a despertar para compromissos válidos e práticos a favor desta luta.

Assim, apagar as luzes:

É mostrar que estamos preocupados com o aquecimento do planeta e queremos dar nossa contribuição, influenciando e pedindo acções de redução das emissões e de adaptação às mudanças climáticas, combatendo a desflorestação e conservando os nossos ecossistemas;
É um incentivo ao diálogo dos manifestantes entre si e entre esses e os governos e empresas;
É um ato que simboliza a eficiência e o uso de todos os recursos com inteligência, responsabilidade e de forma sustentável.
Em 2010, e após três anos de edição, a Hora do Planeta obteve a maior participação voluntária de sempre. Atingiu um recorde de 128 países e territórios se juntaram nesta exibição global a favor do planeta.

Edifícios e monumentos icónicos de todo o mundo (da Ásia ao Pacífico passando pela Europa e África e ainda Américas) ficaram às escuras para iluminar esta ideia. Pessoas de todo o mundo e de todas as esferas da vida social desligaram em uníssono as luzes e uniram-se nesta celebração e contemplação da única coisa que temos em comum: o Planeta Terra.

Brasil junta-se a este movimento, que este ano desafia todos a um compromisso que vai além desta hora na luta contra as alterações climáticas, apelando a que, quando as luzes forem novamente acesas, reflita sobre o que pode fazer para ajudar a marcar a diferença.

HORA DO PLANETA 2011
Sábado, 26 de Março

Apague as luzes e ilumine esta ideia por um Planeta Vivo.
Vá além desta hora na luta contra as alterações climáticas!


A cidade de São Paulo aderiu à Hora do Planeta 2011. Participante do movimento global desde a sua primeira realização no Brasil, em 2009, a cidade apagou as luzes de monumentos e ícones neste dia 26, de 20h30 às 21h30 (hora local) para mostrar sua preocupação com o meio ambiente e a saúde do planeta.

"Cada ano vamos agregando novos monumentos paulistanos, e assim aumentando a participação da cidade de São Paulo na Hora do Planeta", afirmou o prefeito Gilberto Kassab, ao confirmar a adesão da cidade. Este ano foram apagados em São Paulo: a Ponte Octávio Frias de Oliveira (Ponte Estaiada), o Obelisco do Ibirapuera, o Monumento às Bandeiras, o Teatro Municipal, o Mercado Municipal e o Estádio do Pacaembu. A Biblioteca Municipal Mário de Andrade, re-inaugurada no último mês de janeiro, também teve as suas luzes apagadas.

Receita de Domingo: FRANGO CROCANTE COM TRES FARINHAS


Sábado, é dia de preparação para o almoço de domingo, reunião de família, assuntos da semana, visitas, nada como acompanhar com um delicioso prato e fácil de fazer, um empanado saboroso e sequinho, bom para estas ocasiões. Uma variação, o preferido do meu filho mais velho Felipe, é derreter manteiga, separar em uma tijela, e em outra tijela colocar farinha de rosca com queijo ralado, passar os pedaços de frango na manteiga derretida, e depois na mistura da farinha, o resto é só acompanhar os passos 3 e 4 abaixo. Depois me contem, o sucesso que foi entre os seus.

Preparo: Médio (de 30 a 45 minutos) Rendimento: 8 porções Dificuldade: Fácil Categoria: Frango Calorias: 463 por porção Ingredientes

. 1 kg de frango cortado a passarinho
. 1 cebola picada
. Sal, pimenta e limão a gosto
. 1/2 xícara (chá) de farinha de mandioca temperada
. 1/2 xícara (chá) de farinha de milho em flocos pequenos
. 1/2 xícara (chá) de farinha de rosca
. 4 colheres (sopa) de margarina

Modo de preparo
1. Tempere o frango com a cebola, o sal, a pimenta e o limão. Reserve.

2. Em um recipiente misture a farinha de mandioca, a farinha de milho e a farinha de rosca.

3. Empane cada pedaço de frango e coloque em uma assadeira untada com óleo.

4. Sobre cada pedaço, coloque um pouco de margarina. Asse no forno pré-aquecido a 220ºC até dourar.

Dica: sirva com batata e tomate-cereja puxados na manteiga. Eu costumo usar pedaços de frango, como sobre-coxas, peito de frango, aí vai de acordo com o gosto da família. DELICIA!!!!
abraços e bom domingo
Elaine

sexta-feira, 25 de março de 2011

Excelência: Como ser bem sucedido em nossos trabalhos



O trabalho ocupa uma grande parte de nossas vidas. Como podemos ter mais sucesso em nossos trabalhos? Aqui vai algumas dicas - Seja pontual, organizado e focado. Mantenha uma atitude positiva sobre tudo. Tenha um bom relacionamento com seus superiores e colegas de trabalho. Se esforce o máximo em suas habilidades. Se tiver dúvidas, faça perguntas, em vez de cometer erros. Seja ávido para terminar um projeto urgente até o final do dia em vez de deixá-lo para a manhã seguinte. Dez traços de um bom empregador ou funcionário inclui: honestidade, lealdade, espírito de equipe, comprometido com a excelência em todas as tarefas e esforço pessoal, prestatividade, eficiência, organização, inicitativa, criatividade, e muita energia.
Esteja preparado para emergências. Tenha uma reserva de dinheiro disponível para durar por seis meses a um ano em caso de você ficar inesperadamente desempregado. Viva dentro de suas possibilidades, limite-se no uso de cartões de crédito e evite débitos.
Sempre, agradeça a Deus pelos seus talentos e habilidades (Salmos 118:1). Coloque Ele em primeiro lugar com orações diárias, e lembre-se que Ele tem um plano de felicidade para todos nós.
Sucesso
Elaine

quinta-feira, 24 de março de 2011

UTILIDADE PÚBLICA - Vamos divulgar: CAMPANHA DA MAMOGRAFIA DIGITAL GRATUITA





Peço que divulguem

....amigos, em meio a tanta informação neste mundo virtual,
existem assuntos sérios e de UTILIDADE PÚBLICA que precisam de
nossa atenção e respeito.
Este é um deles:
O Instituto do Câncer de Mama tem uma importante campanha.

Cabe a nós atendermos sua solicitação e ampará-lo, pois se depender do
Governo (Federal/Estadual/Municipal) será seu fim!!!

Vamos salvar o site do câncer de mama?Não custa nada.
O Site do câncer de mama está com problemas, pois não tem o número de
acessos e cliques necessários para alcançar a cota que lhes permite
oferecer UMA mamografia gratuita diariamente a mulheres de baixa renda.
Demora menos de um segundo, ir ao site e clicar na tecla cor-de-rosa que diz
'Campanha da Mamografia Digital Gratuita'.

Não custa nada e é por meio do número diário de pessoas que clicam que os
patrocinadores oferecem a mamografia em troca de publicidade.
Repassem a pelo menos 10 amigos para que eles repassem a mais 10 ou mais
amigos, ainda hoje!
E assim estaremos ajudando a salvar este site tão importante.
Este gesto fará uma enorme diferença.
http://cancerdemama.com.br/

Uma alimentação saudável - seu coração agradece




Uma alimentação com menos gordura, colesterol e também calorias é a primeira atitude para ter um coração saudável.

Orientações para uma dieta saudável :

.Descubra a quantidade de calorias que você deve consumir diariamente para atingir ou manter seu peso ideal.
.Coma menos alimentos gordurosos
.Reduza o consumo de gordura para apenas 30% do total de calorias consumidas diariamente.
.Substitua a gordura saturada pela insaturada, limitando a gordura saturada em 8 a 10% do total de calorias diárias.
.Reduza a ingestão de colesterol para 300mg diários, no máximo.
.Escolha alimentos ricos em fibras, preferencialmente os carboidratos complexos.
.Evite o consumo de bebidas alcoólicas.
.Não coma gordura trans.

SE VOCÊ COME FORA: Vale a pena fazer certas exigências ao fazer seu pedido em um restaurante, a não ser que for comila por quilo, aí observe os ingredientes:

.Saladas - Use molhos à base de óleo vegetal e vinagre
.Pães - Use halvarina (margarina mais cremosa - verifique o rótulo) no lugar de manteiga.
.Aves - Somente cozidas ou grelhadas, e com a pele previamente retirada.
.Carnes Magras - Peças para que a gordura aparente seja retirada antes do preparo.
.Hamburges - Evite molhas à base de queijos ou maionese - substitua-os por alface e tomate.
.Peixes - Escolha filés cozidos ou ensopados.
.Massas - Escolha molhos de tomate. Evite carnes gordas, salsichas, molhos branco e à base de queijo.
.Pizza - Prefira as de vegetais ao invés das de muzzarela, calabreza ou Catupiry.
.Batata - Evite coberturas ou recheios de manteiga e requeijão.
.Vegetais - Consuma a vontade, crus ou cozidos.
.Sobremesas - Frutas frescas da época são ótimas opções.
.Leite e derivados - Use leite desnatado, queijo branco, magro ou cottage.

Deu fome...vá em frente...mas tome muito cuidado com o que come!!!se inspire nos pratos nas fotos acima.

Nutrição: TABELA PARA SE TER EM MÃOS



Maçã - Protege o seu coração - Evita constipação - Bloqueia a diarreia - Melhora capacidade dos pulmões - Amortece as articulações
Damasco - Previne o câncer - Controla a pressão arterial - Protege a sua visão - Protege contra a doença de Alzheimer - Retarda o envelhecimento
Alcachofra - Ajuda na digestão - Baixa o colesterol - Protege o seu coração - Estabiliza o açúcar no sangue - Protege contra doenças do fígado
Abacate - Combate as diabetes - Baixa o colesterol - Previne as tromboses AVC - Controla pressão arterial - Suaviza a pele
Banana - Protege o seu coração - Atenua a tosse - Fortalece os ossos - Controla a pressão arterial - Bloqueia a diarreia
Feijão - Evita constipações - Atenua a hemorroida - Baixa o colesterol - Previne o câncer - Estabiliza o açúcar no sangue
Beterraba - Controla a pressão arterial - Previne o câncer - Fortalece os ossos - Protege o seu coração - Ajuda a perder peso
Baga de Mirtilho - Previne o câncer - Protege o seu coração - Estabiliza o açucar no sangue - Estimula a memória - Evita a Constipação
Brócolis - Fortalece os Ossos - Protege a Visão - Previne o câncer - Protege o seu coração - Controla a pressão arterial
Couve - Previne o câncer - Evita a prisão ventre - Ajuda a perder peso - Protege o seu coração - Atenua a hemorroida
Melão - Protege a Visão - Controla a pressão arterial - Baixa o colesterol - Previne o câncer - Fortalece o sistema imunológico
Cenoura - Protege a Visão - Protege o seu coração - Evita a prisão de ventre - Previne o câncer - Ajuda a perder peso
Couve-Flor - Previne o câncer da Próstata - Previne o câncer da Mama - Fortalece os ossos - Elimina escoreações -Previne a doença do coração
Cereja - Protege o seu Coração - Previne o câncer - Acaba com as insônias - Tarda o envelhecimento - Protege contra a doença de Alzheimer
Castanha - Ajuda a perder peso - Protege o seu coração - Baixa o colesterol - Previne o câncer - Controla a pressão arterial
Pimentão picante - Ajuda na digestão - Suaviza as dores da garganta - Remove abcessos - Previne o câncer - Fortalece o sistema imunológico
Figo - Ajuda a perder peso - Previne as tromboses AVC - Baixa o colesterol - Previne o câncer - Controla a pressão arterial
Peixe - Protege o seu coração - Estimula a memória - Protege o seu coração - Previne o câncer - Fortalece o sistema imunológico
Linhaça - Ajuda a digestão - Combate as diabetes - Protege o seu coração - Fortalece o cérebro - Fortalece o sistema imunológico
Alho - Baixa o colesterol - Controla a pressão arterial - Previne o câncer - Mata bactérias - Combate Fungos
Toranja - Protege contra ataques cardíacos - Promove a perda de peso - Previne as tromboses AVC - Previne o câncer da Próstata - Baixa o colesterol
Uva - Protege a Visão - Previne pedra nos rins - Previne o câncer -Aumenta o fluxo de sangue - Protege o seu coração
Chá Verde - Previne o câncer - Protege o seu coração - Previne as tromboses AVC - Ajuda a perder peso - Mata bactérias
Mel - Cura Feridas - Ajuda a digestão - Previne contra Úlceras - Aumenta a energia - Combate alergias
Limão - Previne o câncer - Protege o seu coração - Controla a pressão arterial - Suaviza a pele - Elimina o escorbuto
Lima - Previne o câncer - Protege o seu coração - Controla a pressão arterial - Suaviza a pele - Elimina o escorbuto
Manga - Previne o câncer - Estimula a memória - Regula a tiroíde - Ajuda na digestão - Protege contra a doença de Alzheimer
Cogumelo - Controla a pressão arterial - Baixa o colesterol - Mata bactérias - Previne o câncer - Fortalece os ossos
Aveia - Baixa o colesterol - Previne o câncer - Combate a diabetes - Evita constipação - Suaviza a pele
Azeite doce - Protege o seu coração - Ajuda a perder peso - Previne o câncer - Combate a diabetes - Suaviza a pele
Cebola - Reduz risco de ataque cardíaco - Previne o câncer - Mata bactérias - Baixa o colesterol - Combate Fungos
Laranjas - Fortalece o sistema imunológico - Previne o câncer - Protege o seu coração - Favorece a respiração - Elimina o escorbuto
Peras -Evita a ConstipaçãoPrevine o câncerPrevine as tromboses AVCAjuda a digestão
Ananás - Fortalece os ossos - Alivia a febre - Ajuda a disgestão - Bloqueia a diarreia
Ameixas - Tarda o envelhecimento - Evita Constipação - Estimula a memória - Baixa o colesterol - Protege contra doença do coração
Arroz - Protege o seu coração - Combate a diabetes - Previne pedra nos rins - Previne o câncer - Previne as tromboses AVC
Morango - Previne o câncer - Protege o seu coração - Estimula a memória - Acalma o stress
Batata doce - Protege a sua Visão - Levanta a disposição - Combate o câncer - Fortalece os ossos
TomatePrevine o câncer na próstataPrevine o câncerBaixa o colesterol Protege o seu Coração
Nozes - Baixa o colesterol - Previne o câncer - Estimula a memória - Melhora a disposição - Protege contra doenças do coração
Àgua - Ajuda a perder peso - Previne o câncer

quarta-feira, 23 de março de 2011

Denúncia: AGORA FIQUEI BRAVA !!!!! BEAGLES USADOS COMO COBAIAS



Os cães da raça Beagle estão entre os animais mais usados como cobaias na UEM(Universidade Estadual de Maringá
.
Embora a prática seja autorizada no Brasil, o assunto gera discussão. Na internet, um abaixo-assinado pede ao governo do Paraná que os cães não sirvam mais de cobaia na instituição
Estes cães estão entre os mais utilizados em pesquisas científicas na Universidade Estadual de Maringá (UEM). Embora a prática seja autorizada pela Lei nº 93 de 2008 e pelo decreto 6.899 de 2009, o assunto gera polêmica. Na internet, um abaixo-assinado criado neste ano (ano de 2010) pede ao governo estadual que proíba o uso de cães como cobaias na UEM. Ao todo, o documento já soma quase mil assinaturas.

A presidente do Comitê de Conduta Ética no Uso de Animais em Experimentação (Ceae) e responsável pelo Biotério Central da UEM, Vânia Antunes, não concedeu entrevista ao GM. No entanto, a assessoria de imprensa da instituição explicou que o uso de beagles depende quase que exclusivamente dos pesquisadores. São eles que escolhem o animal mais adequado ao trabalho que vão realizar.

Segundo a assessoria, um dos cursos que mais realiza pesquisas com animais é o de Medicina. Para o uso de cobaias, o projeto da experiência tem de passar antes pelo crivo do Ceae e, também, da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PPG), que segue as diretrizes da lei e do decreto que abordam o tema. O Biotério Central apenas oferece ao professor o animal escolhido para o trabalho.

O abaixo-assinado que circula pela internet tem uma carta de apresentação assinada por Angela Lamas Rodrigues. Nela, a autora diz a instituição escolhe beagles para experiências científicas pelo fato de que “sua doçura torna mais fácil o manuseio [do animal durante o trabalho]”. Angela reconhece que a prática obedece as diretrizes nacionais, mas questiona a postura ética.

“Os Beagles reproduzidos e manuseados no Biotério e nos laboratórios da UEM não podem, obviamente, se defender ou mesmo protestar contra os experimentos ou a favor de sua vida [sic]. Dessa forma, o que se apresenta não é uma conduta ética, mas um exercício de poder do forte contra o fraco, que se encontra submisso e dominado”, argumenta Angela no texto de apresentação do documento.

Segundo ela, os beagles são criados na UEM. A assessoria de imprensa, no entanto, não confirmou essa informação. Em geral, as experiências visam à descoberta de medicamentos e procedimentos na área de saúde. Durante as pesquisas, muitos animais têm de ser sacrificados. De acordo com a legislação vigente, a morte tem de ser a menos dolorosa possível.

O link do abaixo assinado: http://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/6584
(é só clicar no ''assine este abaixo-assinado'')


25/08/2010 11:40 Thiago Ramari, da Gazeta Maringá
Engana-se quem acha que é só no Paraná. O MESMO ACONTECE EM SÃO PAULO em várias faculdades.

terça-feira, 22 de março de 2011

"DEIXE PARA AMANHÃ O QUE VOCÊ (NÃO DEVE) PODE FAZER HOJE"


Quem não conhece esta frase:“Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje.”

Esta é uma frase clássica quando falamos em cumprimento de metas e realização de sonhos.
Sempre que deixamos para amanhã atividades, tarefas e ações positivas, podemos comprometer nosso futuro profissional, familiar, dos nossos relacionamentos, inclusive podemos colocar em risco a nossa saúde. O mesmo pode acontecer quando não nos controlamos e agimos de forma negativa, ou mantemos hábitos enfraquecedores, mesmo sabendo, racionalmente, que não deveríamos ter agido daquela maneira.

“Deixe para amanhã o que você pode (não deve) fazer hoje!"
Isso mesmo, deixe para amanhã comportamentos, ações, atitudes e atividades negativas, que apesar de proporcionarem um prazer imediato, pouco depois ou em médio a longo prazo lhe causarão algum tipo de mal.

Sabe aquela colherada “a mais” colocada no prato por gula e não por fome?Sabe aquele sapato que você botou o olho numa loja e teve uma paixão à primeira vista? Ou aquela compra na liquidação, mesmo sabendo que não tinha necessidade daquele item? Ou um vício em algo que faz mal para sua saúde, para o seu relacionamento ou até mesmo para o seu trabalho? Pois é, estes são exemplos sobre o que estou falando.

Porém, afirmar que nunca mais fará isso, pode ser uma decisão difícil para o seu cérebro, que poderá resolver fazer a despedida e, então, “o tiro pode sair pela culatra”, ou seja, ao invés de evitar o padrão negativo, você extrapola os limites, usando como desculpa o fato que seria a última vez que faria aquilo.

Então, ao invés de dizer:
- Basta! Não quero mais! Isso não me fará bem! Nunca mais farei, ou comerei, ou beberei, etc…Pode apostar que será bem mais fácil dizer para si mesmo:

- Vou deixar para amanhã. Amanhã eu como mais…amanhã eu bebo mais, amanhã eu faço isso ou aquilo. Lembre-se que estou falando de hábitos enfraquecedores e negativos.

Quantos conflitos em sua vida aconteceram com os nervos à flor da pele quando poderiam ser amenizados, simplesmente, se tivessem sido postergados, para serem tratados com a cabeça mais fresca e com mais serenidade para lidar com a situação?

E se a ação for realmente ruim para você, para sua carreira, sua família ou sua saúde? Que tal deixá-la para amanhã? Aí quando chegar amanhã, você deixa para amanhã de novo...ou quem sabe, para depois de amanhã!!!

Isto é um tipo de comportamento que venho aplicando já a algum tempo, e tem funcionado, aprendi a dar mais valor ao dinheiro, aprendi que certos itens não serão necessários neste exato presente, aprendi esperar pelo amanhã, e segurar a minha ansiedade, aprendi a sonhar com algo que hoje não posso ter, mas que PROVÁVELMENTE conseguirei adquiri-lo amanhã, e se não puder, o que importa é o que posso ter HOJE, e dormir com a consciência tranquila.

DIA MUNDIAL DA ÁGUA - 22 DE MARÇO




O dia nacional e mundial da água foram criados como formas de conservá-la.

Desde os primórdios da humanidade, sabemos que o homem sempre se estabeleceu em locais próximos aos rios e mares, para garantir seu sustento através da agricultura.

A história do Egito faz uma excelente demonstração desse fato, quando os homens, às margens do rio Nilo, fizeram os primeiros aglomerados humanos e construíram as primeiras cidades do mundo. Ali já se registrava o quanto o homem era dependente da água.

Porém, com o passar dos anos, com a evolução da humanidade, a água passou a ser tratada com desrespeito, sendo poluída e desperdiçada.

Por esses motivos, a ONU – Organização das Nações Unidas criou o Dia Mundial da Água, em vinte e dois de março de 1992, para promover discussões acerca da consciência do homem em relação a ela.

Em dez de dezembro de 2002, o senado brasileiro aprovou o dia nacional da água através do projeto de lei do deputado Sérgio Novais (PSB-CE). O texto destaca que esse deverá “oferecer à sociedade brasileira a oportunidade e o estímulo para o debate dos problemas e a busca de soluções relacionadas ao uso e à conservação dos recursos hídricos.”

A preocupação surgiu através dos grandes índices de poluição ambiental do planeta, envolvendo a qualidade da água que consumimos.

A ONU elaborou um documento com medidas cautelosas a favor desse bem natural, trazendo também informações para garantir a cultura de preservação ambiental, a consciência ecológica em relação à água.

Na Declaração Universal dos Direitos da Água, criada pela ONU, dentre as principais abordagens estão:

- Que devemos ser responsáveis com a economia de água, pois essa é condição essencial de vida;
- Que ela é um patrimônio mundial e que todos nós somos responsáveis pela sua conservação;
- Que a água potável deve ser utilizada com economia, pois os recursos de tratamento são ainda lentos e escassos;
- Que o equilíbrio do planeta depende da conservação dos rios, mares e oceanos, bem como dos ciclos naturais da água;
- Que devemos ser responsáveis com as gerações futuras;
- Que precisamos utilizá-la tendo consciência de que não devemos poluí-la ou envenená-la;
- Que o homem deve ser solidário, evitando o seu desperdício e lutando pelo seu equilíbrio na natureza.

Com esse documento, a Organização das Nações Unidas tornou obrigatório que todos as pessoas sejam responsáveis pela qualidade da água, bem como pela sua manutenção, tendo assim, formas de garantir a melhoria de vida no planeta.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola

REFLEXÃO: A DOR


Se Deus não existisse, teríamos que reinventá-lo, pois são nessas horas que sentimos o quanto, ele faz falta...
Aloisio Santos frc

A dor é muito maior quando é rompida a ordem natural da vida...

segunda-feira, 21 de março de 2011

ESTRATÉGIAS DIGITAIS: APRENDENDO COM BARACK OBAMA





Descontraído e ensaiando algumas palavras em português, o presidente americano, Barack Obama, discursou ontem (20), por cerca de 22 minutos, para cerca de 2.000 pessoas e de 200 jornalistas brasileiros e estrangeiros no Theatro Municipal do Rio. Entre os convidados que acompanharam o discurso estavam autoridades, artistas, empresários, atletas, ativistas sociais e políticos.

Qual a estratégia que o presidente da maior potencia do mundo usa em seus discursos e quais foram as estratégias usada por ele em sua campanha eleitoral.

O Artigo abaixo foi escrito por Cláudio Torres, consultor em marketing digital e
mídias sociais, autor do livro A Bíblia do Marketing Digital, publicado originalmente em 12-08-2009

Enquanto Hillary Clinton, esposa de um ex-presidente americano, e John McCain, um respeitado senador americano, pensavam como iram se enfrentar na disputa eleitoral americana, surge um jovem afro-americano, nascido em Honolulu no Havaí, com sobrenome árabe, que sai do quase anonimato para tornar-se o 44o presidente americano, com uma estratégia de campanha fortemente baseada em redes sociais, mensagens de celular, voluntários e micro-financiamento.

Mas apesar do grande feito de Barack Obama, a maioria das pessoas desconhece o que de fato aconteceu nos Estados Unidos, e o que contribuiu para a sua eleição.

O que Obama, e sua equipe, fizeram com redes sociais e com a tecnologia móvel, já era feito por ele quando trabalhava em Chicago como líder e advogado comunitário na década de 90 : Mobilizar voluntários por uma causa justa. Mas o que ele fez em Chicago durante seis anos para pequenas comunidades, ele conseguiu reproduzir em menos de dezoito meses por todo os Estados Unidos durante as prévias, e depois, na campanha presidencial.

O que de fato mudou nestes dezoito anos, entre sua formatura em Harvard, e sua posse como Presidente dos Estados Unidos da América, foram os meios e as tecnologias, que viabilizaram a velocidade, abrangência e a eficácia necessárias para implementar aquilo que Obama sabia que funcionava com o povo americano.

O grande mérito do atual presidente americano, que mudou a forma de se fazer política no seu país, e mudará em todo o mundo, foi ficar atento a evolução dos meios, mídias e tecnologias, para usá-los, assim que fosse viável e necessário, a seu favor, e mais importante, antes que seus concorrentes tivessem coragem de fazê-lo.

Pense nisso: A grande questão é estar atualizado, ter visão e coragem de implementar uma nova ação digital antes dos seus concorrentes. Esse é o diferencial competitivo do novo milênio.

Obama começou sua campanha com uma quantidade ínfima de recursos financeiros e operacionais, mas por ter adotado as tecnologias certas no momento certo, ao final da campanha já tinha captado, com doações de campanha, mais que o dobro do que seu concorrente conservador, John McCain.

Então não interessa se neste momento você é um grande político de abrangência nacional, ou um pequeno candidato de um pequeno partido, prepare-se para o que vem por aí e passe na frente de todos.

Mas vamos aos pontos fundamentais da campanha de Barack Obama:

1. Seja social : As mídias sociais permitem criar relacionamentos duradouros com uma legião de seguidores. Não se trata de invadir o Twitter ou Orkut com mensagens publicitárias, mas permitir que as pessoas se organizem e transmitam voluntariamente sua mensagem através delas. As mídias sociais permitem que você se apresente diretamente ao eleitorado, com um custo muito mais baixo e um impacto muito maior que o da publicidade tradicional. Durante a campanha eleitoral americana, a equipe de Obama esteve presente em todas as principais redes sociais, disponibilizando material e informações para os milhares de voluntários engajados na campanha. Lembre-se que o brasileiro já passa três vezes mais tempo na Internet que na televisão, e mais de 80% dos Internautas participam de alguma redes sociais.

2. Seja ágil : O celular é um sucesso inegável, e se tornou uma plataforma móvel para interação, navegação e envio de mensagens de texto. Assim é possível criar uma estratégia de e-mail marketing móvel, ou SMS marketing, que mobilize os voluntários e o eleitorado na campanha. Não se trata de enviar mensagens não solicitadas para milhares de pessoas, mas sim de criar uma base de voluntários que pode ser acionada de forma ágil e barata. Quando Obama iniciou sua corrida eleitoral nas prévias do partido democrata ele contou com um aliado poderoso : seu BlackBerry. A equipe de Obama cadastrou milhares de voluntários e obteve seus números de celular. A partir daí usou as mensagens SMS para distribuir tarefas, que incluíam o contato com os amigos e a obtenção de novos números de celular para aumento da base de voluntários. Antes de cada prévia os celulares dos eleitores de cada região recebiam mensagens com informações das ações necessárias e o que cada um deveria fazer. A mobilização e a agilidade alcançadas com as mensagens SMS, enviadas para os telefones celulares de milhares de voluntários, foram decisivas.

3. Seja transparente : Criar um ambiente na Internet que permita ao eleitor acompanhar a campanha, contribuir para seu candidato, e interagir com o partido, leva naturalmente ao voluntariado, a transparência, e ao micro-financiamento. O site My.BarackObama.com reproduziu as ferramentas de sucesso do Facebook e serviu a dois propósitos : Criar uma estrutura de micro-financiamento, onde voluntários se dispunham a arrecadar pequenas quantias para a campanha, e criar um ambiente de divisão de tarefas e atividades, onde os voluntários sabiam o que tinham que fazer antes mesmo da chegada da comitiva e do candidato a sua cidade. Os dois juntos representaram mais da metade dos recursos da campanha de Barack Obama.

4. Comece já : Nos novos tempos da Internet o volume de informações e a velocidade de troca são imensos. Portanto não adianta começar junto com seus concorrentes. Você deve começar antes de todos, quando ninguém pensa ainda sequer em planejar ações. A campanha de Barack Obama na Internet começou muito antes das prévias do partido, e foi crescendo e ganhando velocidade. Vencer Hilary Clinton, para muitos foi uma surpresa, mas na verdade foi fruto de um trabalho iniciado muito antes de todos os outros candidatos.

5. Seja contínuo : Não seja uma onda, seja um rio. A continuidade das relações e das atividades é fundamental para o crescimento e para a manutenção de relacionamentos duradouros. Os partidos aparecem esporadicamente, e os candidatos, que não estão no poder, só aparecem durante as campanhas. Criar um movimento contínuo, que junte os eleitores e voluntários em torno de suas ideais, e na sua luta, ajuda a criar uma base forte e sólida. O site My.BarackObama.com continuou a existir mesmo após as eleições. Ele agora tem outras funções, mas mantém acessa a chama, o entusiasmo e a interação com seus eleitores.

A estratégia da campanha de Barack Obama, e sua aplicação às eleições brasileiras de 2010, vão muito além deste artigo. Mas ele serve para lhe dar uma visão ampla do que pode ser feito. Se você quer um conselho final : Não espere, comece já. Quanto antes você iniciar, menos recursos vai investir e melhor será o resultado.

LIVRO: A ESTRATÉGIA DE BARACK OBAMA


Está nas livrarias o livro A ESTRATÉGIA DE BARACK OBAMA.....
LIÇÕES DE UM PROJETO VENCEDOR QUE PODEM SER APLICADAS AOS NEGÓCIOS


Este livro mostrará todas as respostas e fatores que fizeram dessa vitória um dos acontecimentos mais marcantes no campo da gestão/administração moderna. A obra traz, por exemplo, o papel das redes sociais na consolidação da vitória, as lições de gestão e gerenciamento (tempo, dinheiro, risco etc.) e o papel da quebra de paradigmas na vitória. Leitura indispensável!
Médio do Preço: R$ 56,00

COMO É O CARRO OFICIAL DO OBAMA.....e dos principais chefes de Estado do mundo



Hoje a noite assistindo a TV teve uma matéria sobre a visita do presidente dos Estados Unidos da América no Brasil, Presidente Barack Obama, durante a reportagem falou-se sobre o carro oficial que o presidente usa, fiquei impressionada com os aparatos tecnológicos e de segurança do veículo e resolvi pesquisar....na leva, vai aí também sobre os outros carros oficiais que principais chefes de Estado do mundo usam.

O veículo oficial de Barack Obama parece mais um tanque de guerra, tendo até canhão de gás lacrimogênio! O design do "obamóvel" - fabricado pela GM e apresentado na cerimônia de posse este ano - é baseado no do luxuoso Cadillac, mas, para aguentar o peso da blindagem, sua estrutura é a de um caminhão GMC Topkick. Confira os incríveis recursos do carango e, nas páginas seguintes, pegue carona nos veículos dos principais chefes de Estado do planeta.


A "fera" do cara


Automóvel presidencial americano tem câmeras de visão noturna, computador com rede Wi-Fi e até canhão de gás lacrimogênio


AMBULÂNCIA E BOMBEIRO

Na traseira, ficam alguns dos aparatos dignos de filmes de aventura. Além de um controle de combate a incêndio, há tanques de oxigênio e até bolsas com o sangue do presidente, para transfusões de emergência


ESCRITÓRIO SOBRE RODAS

Para não perder tempo durante as viagens, Obama conta com um minigabinete, que inclui mesa dobrável, laptop com rede Wi-Fi, telefone por satélite e duas linhas diretas: uma para o vice-presidente, outra para o Pentágono


DURO NA QUEDA

Para defesa contra minas terrestres, o piso é reforçado com uma placa de aço de 13 cm. Já o chassi é composto de um sanduíche de lâminas de aço, alumínio, titânio e cerâmica, sendo capaz de frear projéteis da maior parte das armas


NINGUÉM ENTRA, NINGUÉM SAI

As portas reforçadas têm 20 cm de espessura e pesam tanto quanto as de um Boeing 757. Quando fechadas, selam a cabine hermeticamente, impedindo ataques com gás. Um sistema filtra todo o ar que entra e sai do veículo


CAVEIRÃO É FICHINHA

O Cadillac One colocaria no chinelo o temível caveirão em qualquer missão do Bope, no Rio de Janeiro. Além da blindagem impenetrável, possui câmeras de visão noturna, escopetas em compartimentos secretos e até canhões de gás lacrimogêneo


Ficha técnica

Motor - Duramax V8 (diesel) 6,5 l

Comprimento - 5,4 m

Altura - 1,55 m

Consumo - 3,4 km/l

Peso estimado* - 4 500 kg

Velocidade máxima - 96 km/h, que atinge em 15 s

Preço estimado* - R$ 920 mil


CHOFER 007


O motorista passa por um treino intensivo na CIA para dirigir sob todo tipo de condição - desde chuvas fortes a atentados terroristas. Próximo ao volante, há um centro de comunicação e uma tela de GPS


AZAR DOS FLANELINHAS


As janelas são reforçadas para resistir a tiros. A única que abre é a do motorista, mesmo assim, só uma frestinha - meros 7,5 cm, apenas para que ele possa pagar um pedágio ou se comunicar com agentes que sigam o carro do lado de fora, a pé


CADA UM NO SEU QUADRADO
A cabine, para até quatro passageiros, é separada do assento do motorista por uma divisão de vidro retrátil que só o Obama pode acionar. Outro botão exclusivo no painel do presidente é o antipânico, que, se preciso, aciona na hora os agentes da CIA


PRA QUE ESTEPE?
Protegidos com aramida (tipo de trama usada em coletes à prova de bala), os pneus são à prova de tiro, furo e rasgo. Mesmo se forem destruídos, uma estrutura de aço nas rodas permite que o carro possa continuar em movimento e fugir do perigo


• Popularmente conhecido como Cadillac One, o carango do Obama é chamado pelos agentes da CIA de The Beast ("A Fera", em inglês)


Só pra quem pode
Veja a galeria dos veículos oficiais dos principais chefes de Estado do mundo. Além de carros blindados e superluxuosos, rolam até iates para conduzir os donos do poder


REINO UNIDO
Desde 2002, a rainha Elizabeth II conta com duas limusines Bentley modificadas para circular: 91 cm mais compridas, 25 cm mais altas, 15 cm mais largas e com portas que abrem em um ângulo de quase 90º. Já o primeiro-ministro Gordon Brown pilota um Jaguar Super V8 com blindagem resistente a granadas, suprimento de oxigênio e sensores de sabotagem.


Ficha técnica

Jaguar Super V8

Motor - V8 4,2 l

Potência - 400 cv

Peso estimado* - 3 mil kg

Velocidade máxima - 249 km/h

Preço estimado - * - R$ 607 mil


FRANÇA
Para evitar favoritismo, a frota oficial tem carros das três principais marcas do país. A Citroën oferece um C6 e a Peugeot um Vel Satis. Mas o favorito do presidente Nicolas Sarkozy é o Renault 607 Paladine, um carro-conceito exclusivo. É puro luxo: seu teto de metal é retrátil e o design dos estofados de couro é assinado pela grife Hermès.


Ficha técnica

Renault 607 Paladine

Motor - V6 3 l

Potência - 400 cv

Peso estimado* - 3 mil kg

Velocidade máxima - 212 km/h

Preço estimado - * - R$ 516 mil


ALEMANHA
Este é outro país cheio de montadoras, o que exige diplomacia da chanceler Angela Merkel. O título de carro oficial caberia ao S600-Guard, da Mercedes-Benz, mas Merkel faz rodízio: com o A8, da Audi; os veículos da linha 7 Series, da BMW; e, sobretudo, o Phaeton, da Volkswagen. Curiosamente, seu carro não leva a bandeira: isso é privilégio do presidente, Horst Köhler.


Ficha técnica

Volkswagen Phaeton

Motor - W12 6 l

Potência - 443 cv

Peso estimado* - 4 mil kg

Velocidade máxima - 249 km/h

Preço estimado - * - R$ 607 mil


BRASIL
O Carro Presidencial do Brasil é o veículo oficial usado pela Presidente do Brasil durante suas visitas oficiais aos estados ou durante o cotidiano da presidente. O atual automóvel que serve a presidente é um Ford Fusion Hybrid 2011 batizado de Fusion Presidencial. Entretanto, em datas comemorativas, tais como a posse da presidente, a chefe-de-estado fez uso de um Rolls-Royce Silver Wraith de 1952. O Gabinete de Segurança Institucional da Presidência (GSIPR) mantém segredo sobre os itens de proteção da frota, dizendo apenas que "são blindados e reúnem todas as facilidades de comunicação que o nível de autoridade exige".

Ficha técnica

Ford Fusion

Motor - Duratec 2,3 l

Potência - 162 cv

Peso estimado* - 1,5 mil kg

Velocidade máxima - 180 km/h

Preço estimado - R$ 300 mil


ITÁLIA
Ao assumir o cargo, o presidente Carlo Ciampi e o primeiro-ministro Silvio Berlusconi ganharam um invejável Maserati Quattroporte. Mesmo com 1 100 kg a mais por causa da blindagem, o carrão chega a 275 km/h! Em 2003, o próprio Ciampi visitou a fábrica da Maserati para customizar seu carro, que ganhou um telefone extra, um frigobar e uma TV LCD de 7 polegadas.


Ficha técnica

Maserati Quattroporte

Motor - V8 4,2 l

Potência - 400 cv

Peso estimado* - 3,3 mil kg

Velocidade máxima - 275 km/h

Preço estimado - * - R$ 607 mil


JAPÃO
O imperador Akihito e a imperatriz Michiko passeiam em um carro único no mundo: um Toyota Royal Century, com mais de 6 m de comprimento e capaz de acomodar até oito passageiros. É um dos carros oficiais mais vistosos, com piso de granito na entrada, lã nos assentos e sistema de iluminação com enfeites de papel de arroz feitos à mão.


Ficha técnica

Toyota Royal Century

Motor - V12 5 l

Potência - 273 cv

Peso estimado* - 4 mil kg

Velocidade máxima - 193 km/h

Preço estimado - * - R$ 834 mil


VATICANO
Já houve várias versões do popularmente conhecido "papamóvel", legítima "bolha de vidro" sobre rodas. O atual, doado ao Vaticano, é um Mercedes-Benz ML430 customizado, com elevador hidráulico sob o assento, para Bento XVI ficar bem exposto ao público. Outras marcas ofereceram novos modelos, mas o papa pediu que, em vez disso, doassem a grana à caridade.


Ficha técnica

Mercedes-Benz ML430

Motor - V8 4,3 l

Potência - 268 cv

Peso estimado* - 3,5 mil kg

Velocidade máxima - 193 km/h

Preço estimado - * - R$ 455 mil


COREIA DO SUL
Até 2009, a comitiva era composta de BMW e Mercedes-Benz - uma "ofensa" para uma nação que é a quinta maior fabricante de carros no mundo. O presidente Lee Myung-bak trocou a frota por veículos da Hyundai, tornando o Equus o primeiro blindado feito no país. O tanque de combustível e o sistema elétrico são reforçados contra incêndios ou ataque de metralhadoras.


Ficha técnica

Hyundai Equus

Motor - V8 4,5 l

Potência - 270 cv

Peso estimado* - 4 mil kg

Velocidade máxima - 209 km/h

Preço estimado - * - R$ 516 mil


SUÉCIA
O Volvo S80 já era o carro favorito do rei Carl Gustaf XVI. Desde 1º de julho de 20100, tornou-se também o carro oficial da presidência da União Europeia, quando o primeiro-ministro sueco, Fredrik Reinfeldt, assumiu o cargo. A montadora ofereceu 90 automóveis customizados (incluindo modelos S70), todos ecologicamente corretos, sendo movidos a biocombustível.


Ficha técnica

Volvo S80

Motor - Straight 6 2,9 l

Potência - 272 cv

Peso estimado* - 2,8 mil kg

Velocidade máxima - 249 km/h

Preço estimado - * - R$ 455 mil


NORUEGA E DINAMARCA (iates)
A família real desses dois países são as únicas que, além de um carro oficial, utilizam um "iate real". O Norge ("Norueguês") recentemente levou o rei Harald V a visitas a Irlanda, Espanha e França. Além disso, serve como base quando Sua Majestade participa de competições náuticas. Já o Dannebrog ("Bandeira da Dinamarca") costuma ser usado para viagens à Groenlândia, que pertence à Dinamarca. Em época de guerra, a rainha Margrethe II o libera para servir como um navio-hospital.


Ficha Técnica

Norge

Ano de fabricação - 1947

Comprimento - 80,2 m

Tripulação - 54 membros

Propulsão - dois motores de 1 760 cv

Velocidade máxima - 17 nós (31 km/h)


Ficha técnica

Dannebrog

Ano de fabricação - 1932

Comprimento - 78,4 m

Tripulação - 52 membros

Propulsão - três motores de 1 136 cv e dois de 870 cv

Velocidade máxima - 13,5 nós (25 km/h)


FONTES - Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República; BBC; Daily Mail; Irish Times; Swedish Wire; Carscoop; India Automotive; AllCars Review; Virgin Media

domingo, 20 de março de 2011

Imagem do dia: A SUPER PERIGEE MOON


Image Credit: NASA/Bill Ingalls

A lua cheia vista enquanto ela nascia perto do Lincoln Memorial, neste último sábado dia 19 de março, em Washington. A lua cheia na noite passada é chamada de "a super perigee moon" (perigee= nome tecnológico para o ponto onde o trajeto de um objeto atrav´les do espaço é mais perto da Terra; o oposto de perigee é "apogee", desculpe, coisa de professora), uma vez que ela esteja mais próxima da Terra em 2011. A última lua cheia tão grande e perto da Terra ocorreu em Março de 1993. Interessante, que eu notei no Jornal Nacional da Globo ontem quando o presidente Obama descia do avião, aqui no Brasil, filmaram a lua cheia daqui.....pois é, o mundo é mesmo pequeno!!!!!

Ciência: O asteróide Aphofix irá colidir com a Terra em 2036?




__Apophis (pronuncia-se /əˈpɒfɪs/, é um asteróide localizado próximo a Terra.
Em 2004, causando um breve perído de preocupação aos cientistas da NASA, estes anunciaram que existia uma chance de Aphofis colidir com a Terra, em 2029. Com algumas observações e cálculos adicionais, no entanto, os astrônomos concluíram que a chance do asteróide realmente atingir o planeta era quase nula. Mas a boa notícia trouxe outra preocupação.

Segundo um relatório russo, a possibilidade de colisão de Apófis com o nosso planeta ainda existe, somente com uma data diferente: 13 de abril de 2036. A previsão é de que em 2029, ao passar muito próximo da Terra, os 400 metros de diâmetro do asteróide irão atravessar uma espécie “buraco de fechadura” (em inglês, keyhole) gravitacional – uma região específica do espaço na qual a gravidade da Terra alteraria a trajetória do asteróide. Logo, em sua próxima passagem ao nosso redor, a colisão iria ocorrer.

Segundo os cientistas da NASA, a chance do desastre realmente existe. Contudo, em uma probabilidade de apenas um em 250 mil. O cenário mais provável, para eles, é que Apófis faça uma abordagem próxima da Terra em 2012 e no início de 2013, ocasiões em que será amplamente observado pelos astrônomos.

Após o estudo, caso seja constatado algum perigo na trajetória do asteróide, a NASA irá desenvolver os sistemas e as máquinas necessárias para mudar a órbita do asteróide, diminuindo a probabilidade de colisão em 2036 para zero

sábado, 19 de março de 2011

ESTÁ EM SUAS MÃOS - A invenção que salva vidas



Diarréia e infecções respiratórias matarão mais de 3.5 milhões de crianças abaixo da idade de 5 anos de idade todo ano. Lavar as mãos com sabonete, ou sabão é a maneira mais eficaz e barata para evitar estas mortes. Este ato, pode salvar as vidas de 1.2 milhões de crianças todo ano.
O tippy tap (= tap p torneira) é um mecanismo de baixo custo, baixa tecnologia, sem uso das mãos para promover a lavagem das mãos com sabão.

tippytap.org é uma parceria entre a WMG (www.watershedmg.org) e a Grampari (www.gampari.org)
Assistam pelo you-tube como funciona este mecanismo genial.
http://www.youtube.com/watch?v=Qdpd3roZjYw&feature=player_embedded

sexta-feira, 18 de março de 2011

Imagem do dia: HOPE...ESPERANÇA

Reflexão: "Posso tudo Naquele que me fortalece..."



"Posso tudo Naquele que me fortalece"....Filipenses 4:13

Esta passagem tem sido entendida por muitos Cristãos como uma afirmação geral de que realmente “tudo” podemos fazer. Como sempre é necessário observar o contexto da passagem. O contexto imediato (Fil 4:10-20) indica que Paulo está tratando de necessidades pessoais. Podemos ver isso quando ele usa frases e termos como “pobreza” (v. 11) “fartura e fome”; “abundância e escassez” (v. 12); “dar e receber” (v. 15) e “necessidades” (vv. 16 e 19). Todas estas palavras e frases tratam de necessidades físicas e imediatas como comida e moradia. Ele pessoalmente passou por necessidades nestas áreas e está mostrando como Cristo lhe deu força para enfrentá-las.
Que o povo japonês saiba enfrentar toda esta calamidade que estão passando e
que eles busquem através do amor de Cristo a fôrça necessária para cuidarem de si próprios e de todos aqueles que o rodeiam.

A TRAGÉDIA DAS ENCHENTES - "são as águas de março fechando o verão..."



Nossa maior tragédia é não saber o que fazer com a vida.
José Saramago


As chuvas intensas no sudeste brasileiro, que acontecem nos meses de calor intenso entre outubro e março, ocorrem devido a um fenômeno denominado Zona de Convergência do Atlântico Sul. É uma concentração de massa de ar quente e úmida de longa permanência - pode ficar até cinco dias em uma região. Essa densa estrada úmida forma-se ao sul da Amazônia, passa pelo Centro-Oeste e chega ao Sudeste, onde se depara com outra massa de umidade proveniente do Atlântico Sul e geram uma imensidão de nuvens.

As correntes de massa de ar encontram um obstáculo na cadeia de montanhas da Serra do Mar, que segue pelo litoral brasileiro, de Santa Catarina até o Espírito Santo. O maciço de até 2000 metros de altitude da Serra do Mar que cerca a região cria uma barreira que aprisiona nuvens densamente carregadas, com até 18 quilômetros de altura. Vários sinais ao longo da estrada virtual emitem avisos amarelos e vermelhos: os combustíveis das precipitações que são o calor e a umidade em excesso explodem os cúmulos-limbos. Resultado: chuvas torrenciais persistentes e desastres localizados.

O excesso de águas pode provocar uma tragédia, mas para isso faz-se necessário a presença de um conjunto de variáveis, a saber: solo encharcado e instável por chuvas anteriores; declives acentuados de até 90 graus, inexistência de vegetação adequada, ocupação desordenada de áreas de risco (morros, encostas, vales, várzeas de rios, mangues), e leniência do poder público. Infelizmente todos esses fatores estavam presentes na região serrana do Rio de Janeiro no início de 2011.

As encostas de serras são normalmente compostas por uma tênue camada de terra sobre as rochas, com baixa capacidade de absorção. Chuvas de intensidade anormal atingiram as nascentes de pequenos riachos, que rapidamente se transformaram em rios caudalosos. Em um declive serrano, com falhas e por vezes sem vegetação, as águas vertem até quatro vezes mais rápido e arrastam consigo muita lama e tudo o mais que encontram pela frente. Uma avalanche de lama a incríveis 150 quilômetros por hora ceifou a vida de mais de 1000 brasileiros, sem qualquer distinção social.

O maior desastre natural brasileiro ocorrido na paradisíaca serra fluminense foi o apocalipse de uma combinação de fatores já conhecidos, exceto a intensidade recorde de chuvas em um curto período de tempo. Este fato levou alguns especialistas em clima a afirmar que esse fenômeno sem precedentes pode ter relação com as mudanças climáticas do aquecimento global. Outros cientistas afirmam ser prudente esperar períodos de 30 anos de eventos extremos para concluir se de fato há essa relação de causa e efeito.

Há dois tipos básicos de medidas preventivas: estruturais e não estruturais. As medidas estruturais envolvem obras de engenharia para contenção de cheias como barragens, diques, alargamento de leitos de rios e reflorestamento. São providências caras e por vezes complexas. As medidas não estruturais envolvem ações políticas de planejamento e gestão, como implantação de planos diretores e de drenagem que contemplem os riscos ambientais, sistemas de alerta em tempo real, principalmente em aglomerados humanos, onde possam ocorrer inundações e deslizamentos de terra.

Sistemas eficientes de gestão de uso e ocupação de solo, retratados nas leis de zoneamento constantes em planos diretores das posturas municipais já disciplinam o que pode e o que não pode se construir na maior parte das grandes cidades brasileiras. Moradores de áreas de risco devem participar em comunidades de processos e campanhas de mobilização e conscientização junto às autoridades públicas e pressionar por mudanças no modelo de intervenção urbana prevalente no Brasil. Esse modelo privilegia a especulação imobiliária, investimentos em uso intensivo de veículos automotivos, impermeabilização de solo, canalização de rios e córregos – um modelo anti-natural e falido, a gerar flagelos.

Populações de baixo poder aquisitivo moram em áreas de risco geológico não porque querem, mas por falta de opções em função de políticas públicas capengas. Ações de fiscalização enérgica devem ser uma constante, para evitar novas ocupações em áreas de risco e retirar os que lá estão. A água e o esgoto que todos querem na porta de casa certamente não é o que as chuvas de verão proporcionam. Os brasileiros estão cheios de enchentes e da lama advinda da incapacidade das autoridades em planejar e implementar obras e ações de prevenção.

Atualmente há 48 projetos de lei em tramitação no Senado brasileiro que versam sobre formas de prevenir mortes e prejuízos causados por eventos extremos da natureza. Todos esses projetos, de vital importância, estão longe de serem discutidos, votados e aprovados e não tiveram o devido engajamento da sociedade em cobrar celeridade de seus representantes. Enquanto isso, entre 2007 e 2009 subiu de 176 para 620 os municípios brasileiros afetados por enchentes e alagamentos. Estima-se haver mais de 5 milhões de brasileiros vivendo em área de risco.

Os cidadãos têm que ter a cultura da educação e da ética no convívio social, qual seja, o exercício da cidadania. Isto significa não ter o pensamento distorcido de só desfrutar dos serviços e bens públicos de forma pontual e, por vezes, oportunista ao desrespeitar posturas legais. Significa informar-se, envolver-se de forma coordenada, cumprir as leis e cobrar do poder público programas e ações permanentes de planejamento de longo prazo, voltadas ao bem-estar e segurança de todos.

Gestores públicos devem ser responsabilizados criminalmente por omissão e incúria, ao permitir baixas evitáveis e supérfluas em série contra a vida. A ocupação da região serrana do Rio de Janeiro, assim como muitos outros exemplos no Brasil, surge sob o olhar obtuso e populista das autoridades escorado em acordos espúrios com loteadores ou com a formação de clientelismo eleitoral dos ocupantes de áreas de risco, como várzeas, vertentes e morros. É uma tarefa hercúlea ir adiante com leis punitivas ao poder constituído, pois são eles mesmos os autores de leis. Não vale anistiar a ilegalidade e a improbidade e sim a judicialização da política pública por meio de ações do Ministério Público.

Mart Luther King já dizia: “... sonho com o dia em que a justiça correrá como água e a retidão como um caudaloso rio”. Os moradores vizinhos à Serra do Mar, assim como todos os brasileiros, esperam ansiosos por esse dia, inclusive os fãs de Tom Jobim. A casa de campo do gênio da música popular brasileira situada na serra carioca foi completamente destruída pelas águas do verão. Quis o destino que aquele belíssimo local servisse de inspiração para a criação do clássico Águas de Março: “... é o fim do caminho ... é a lama, é a lama ... é um resto de mato, na luz da manhã ... pau, pedra, fim, caminho, resto, toco, pouco, sozinho, caco, vidro, vida, sol, noite, morte ... são as águas de março fechando o verão”.
Artigo publicado 24/02/2011 por Rodnei Vecchia em http://www.webartigos.com

quinta-feira, 17 de março de 2011

Imagem de hoje: O sol nascerá novamente

ORIGENS DO DIA DE ST.PATRICK






Hoje é comemorado o dia de St. Patrick, um feriado Irlandês, mas comemorado no mundo todo por colônias irlandesas.
O dia de São Patrício ( St. Patrick´s Day)tem sido associado a tudo o que é irlandês: qualquer coisa verde e dourada, trevos e sorte. O mais importante para aqueles que celebram seu real significado é que o dia de São Patrício é um dia tradicional de renovação espiritual e de oferta de orações para missionários de todo o mundo. Os irlandeses são descendentes dos antigos celtas, mas os vikings, normandos e ingleses contribuíram para a natureza etnica desse povo. Séculos de domínio inglês eliminaram muito o uso do antigo idioma galês ou irlandês. A maioria dos irlandeses é formada por católicos ou protestantes (anglicanos membros da Igreja da Inglaterra).
Então, por que esse dia é comemorado em 17 de março? Uma teoria é de que esse foi o dia em que São Patrício morreu. Desde que o feriado começou na Irlanda, acredita-se que, conforme os irlandeses se espalharam pelo mundo, eles levaram consigo a história e as comemorações. O maior exemplo disso, é claro, vemos na Irlanda. Exceto bares e restaurantes, quase todo o comércio fecha no dia 17 de março. Como é um feriado religioso, muitos irlandeses vão à missa, pois 17 de março é o dia tradicional em que se reza pelos missionários no mundo todo antes da celebração começar.

Em cidades norte-americanas com grande população irlandesa, o dia de São Patrício é muito importante. Grandes e pequenas cidades o comemoram com desfiles, "desfiles verdes", músicas, comidas e bebidas irlandesas e atividades para crianças, como artes, pinturas e jogos. Algumas comunidades chegam até a tingir rios ou córregos de verde!

Tradicionais bênçãos irlandesas•Leprechauns, castelos, boa sorte e alegria; canções de ninar, sonhos e amor todo dia. Poemas e músicas com flautas e tambores; Muito boas-vindas aos que aqui chegam.
•Que São Patrício o proteja onde quer que você vá e em tudo o que você faça - e que sua amada proteção seja sempre uma bênção para você.
•Que possa a estrada estender-se para encontrar-te. Que o vento esteja sempre às tuas costas Que o sol brilhe cálido sobre os teus campos, e até que nos encontremos novamente, que te sustente Deus na palma de Sua mão.

HISTÓRIA: A ORIGEM DOS NOMES DAS NOTAS MUSICAIS




Foi no século XI, quando o teólogo e musicólogo Guido D’Arezzo (955-1050) tirou os sete nomes de um hino cantado em latim. Os meninos do coral regido por ele iniciavam os ensaios entoando esse hino composto em louvor a São João Batista. Era uma espécie de oferenda ao santo escolhido como padroeiro do coral para que ele lhes concedesse belas vozes. Cada verso que acompanhava a melodia começava um tom acima do anterior - assim, D’Arezzo identificou cada som com a primeira sílaba de cada frase (veja a imagem acima).
A tradução desses versos seria algo como: "Para que possam os teus servos exaltar, a largos pulmões, o maravilhoso dos teus milagres, retira-lhes dos lábios a impureza, ó São João." No século XVII, um influente maestro italiano, João Batista Doni, aproveitou a dificuldade das pessoas em cantar a sílaba UT para sugerir a mudança da primeira nota para DO, não por acaso a inicial do seu sobrenome. A alteração, que só demorou a pegar na França, firmou a versão final da escala Dó-Ré-Mi-Fá-Sol-Lá-Si-Dó, utilizada até hoje em todo o mundo.

"Dúvidas....dúvidas"

"Amanhã fico triste....hoje não!!"