sábado, 21 de janeiro de 2012

O ALFABETO EMOCIONAL - Dr. Juan Hitzig



A medicina em geral, e a psiquiatria orientam seus pacientes a grande importância do bom humor, aos bons sentimentos e a afetividades sadia na qualidade de vida e na saúde mental.

 

O Dr. Juan Hitzig estudou as características de alguns longevos saudáveis e concluiu que além das características biológicas, o denominador comum entre todos eles está em suas condutas e atitudes.

1.Alfabeto emocional O Dr. Juan Hitzig estudou as características de alguns longevos saudáveis e concluiu que além das características biológicas, o denominador comum entre todos eles está em suas condutas e atitudes.

2." Cada pensamento gera uma emoção e cada emoção mobiliza um circuito hormonal que terá impacto nos trilhões de células que formam um organismo – explica -.


3.As condutas "S": serenidade, silêncio, sabedoria, sabor, sexo, sono, sorriso, promovem secreção de Serotonina, … enquanto que as condutas "R": ressentimento, raiva, rancor, repressão, resistências, facilitam a secreção de CoRtisol, um hormônio coRRosivo para as células, que acelera o envelhecimento.



4.As condutas "S" geram atitudes "A": ânimo, amor, apreço, amizade, aproximação. As condutas "R" pelo contrário geram atitudes "D": depressão, desânimo, desespero, desolação.


5.Aprendendo este alfabeto emocional, lograremos viver mais tempo e melhor, porque o "sangue ruim" (muito cortisol e pouca serotonina) deteriora a saúde, oportuniza as doenças e acelera o envelhecimento. O bom humor, pelo contrário, é a chave para a longevidade saudável."

6.Tenha uma excelente vida! Plena de Serotonina!!!



Um comentário:

  1. “Satisfazer as necessidades da vida não é mal...Manter o corpo com saúde é um dever, porque de outra forma não poderemos manter a chama da sabedoria e a nossa mente forte e clara”
    - Atribuído a Siddhartha Gautama

    Todas as religiões têm lhe ensinado a fugir de sua responsabilidade. Jogue-as sobre um Deus... e não há Deus algum. Você nada faz porque pensa que Deus fará tudo – e não há Deus algum para fazer coisa alguma. E então, o que mais você pode esperar? O que está acontecendo. O que aconteceu e o que está por acontecer é a conseqüência natural dessa idéia de um criador ou projetista. Deveria ser dito aos homens:

    “Essa é sua existência.
    Você é responsável por tudo que você é,
    por tudo que você faz e por tudo que ocorre à sua volta.
    Seja maduro, não permaneça infantil”.

    Mas esse Deus não lhe permite amadurecer. A divindade dele depende de sua imaturidade, de sua infantilidade. Quanto mais estúpido, quanto mais crédulo você for, maior será o Deus. Quanto mais inteligente você for, menor será o Deus. Se você é realmente racional, inteligente, concluirá que não há Deus Super Poderoso algum.

    http://livrodeusexiste.blogspot.com.br/2010/05/capitulo-27-budismo.html

    ResponderExcluir